É POSSÍVEL OBTER A CERTIDÃO DE ANTECEDENTES CRIMINAIS DE TODOS OS EMPREGADOS?

Esta é uma questão muito delicada e que recomendamos muita cautela.

 

A princípio não existe lei específica quanto ao assunto, mas o Tribunal Superior do Trabalho – TST, fixou entendimento de que é considerado tratamento discriminatório o pedido de certidão de antecedentes criminais.

 

Contudo, neste mesmo entendimento há uma exceção, que deve ser analisada e ponderada pelo empregador, considerando principalmente a função que será desenvolvida.

 

Isto porque é possível que se solicite ao empregado a certidão de antecedentes criminais, desde que observado: Continuar lendo

Perguntas mais comuns e vocabulário para entrevista de emprego em inglês

Confira os termos mais usados e as dicas de como se sair bem na entrevista de emprego em inglês

Quem está em busca de oportunidades no mercado de trabalho com certeza já percebeu que o domínio do inglês se tornou há bastante tempo um quesito muito mais obrigatório do que desejável.

Um estudo realizado por Cambridge Assessment English, departamento da Universidade de Cambridge responsável por avaliações de proficiência da língua inglesa, e pela QS Intelligence Unit, que atua com coleta de dados do mercado empregador e de educação, apontou que 95% dos empregadores de países não nativos do idioma o consideram importante e o reconhecem como a língua dos negócios. Continuar lendo

Tecnologia Em Recursos Humanos: 7 Ferramentas E Como Aplicar

Woman Using High Tech Computer — Image by © Louis Moses/Corbis

Há tempos que a tecnologia em Recursos Humanos permite aos profissionais do setor maior acesso a dados e recursos para melhorar planos e estratégias. Além disso, ferramentas disponibilizadas ao longo dos últimos anos auxiliam no monitoramento da atuação de funcionários, possibilitando um reconhecimento adequado de performances e a elaboração de planos cada vez mais eficazes na captação de talentos.

Constantemente, a tecnologia em recursos humanos oferece oportunidades para que empresas e profissionais reavaliem o desenvolvimento de seus processos, algo capaz de organizar e otimizar tarefas, além de permitir mais agilidade e precisão nas funções do setor de RH. Essas ferramentas ainda podem influenciar na percepção de performances de colaboradores.

Tecnologia em recursos humanos: Principais ferramentas

Continuar lendo

Trabalho Remoto: por que ele se tornou uma tendência no mercado?

De acordo com uma pesquisa da Organização Internacional do Trabalho, a implementação do trabalho à distância chega a 40% em alguns países. No Brasil, a modalidade tem crescido muito, tendo inclusive sido debatida na nova reforma trabalhista.

 

A flexibilidade em relação ao local de trabalho surgiu por meio do desenvolvimento de uma série de aparatos tecnológicos, que substituem muito bem práticas essenciais à rotina de qualquer empresa, até então exercidas apenas presencialmente. Softwares como Skype e Hangouts tornaram possível a realização de reuniões à distância. Aplicativos como Google Docs permitiram o trabalho simultâneo a quatro, seis, oito, infinitas mãos. Tecnologias como a nuvem permitiram o compartilhamento rápido e preciso de arquivos essenciais. Continuar lendo

Você Prefere Um Líder Fraco Ou Pulso Firme Para Tomar Decisões E Agir?

Nos tempos atuais, percebemos um aumento considerável no número de líderes “fracos” que não tem “pulso firme” para liderar e tomar decisões.

Embora a equipe não admita ou não identifique a necessidade de ser guiada e talvez sequer tenha noção da importância de seguir um líder assim, saiba que nada melhor do que poder confiar num líder que sabe o que está fazendo, que guia o grupo com autoridade, ousadia e força.

Carlos Jenezi, especialista em desenvolvimento de produtos na plataforma Brasil Editorial disse: A pior sensação é estar em um barco à deriva em momentos de crise, conflito e situações problemáticas. Ninguém gosta de estar sob a direção de um líder banana. Fato! Continuar lendo

A habilidade que todo gestor do futuro deve ter

Saber navegar um contexto de mudanças constantes é essencial para os gestores do futuro

Transformação constante de carreiras e empresas, maior concorrência e horário de trabalho flexível são algumas das mudanças que devem movimentar radicalmente o mercado e as relações trabalhistas nos próximos anos. O desafio dos gestores de empresas é se preparar para os novos tempos e instruir suas equipes para lidar com situações cada vez mais instáveis, seja no ambiente interno da corporação, seja no mercado. Por isso, é essencial que todo gestor saiba conduzir mudanças.

 

Precisamos capacitar gestores para conduzir mudanças em projetos, processos e produtos de forma estruturada e planejada. Eles precisam construir times que prezem pela integração e facilitação na hora de resolver problemas organizacionais, contribuindo para atingir os objetivos estratégicos da empresa“, explica Barbara Caríssimi, coordenadora da pós-graduação em Gestão de Crises e Mudanças da Universidade Veiga de Almeida (UVA).

 

Os líderes precisam analisar crises e mudanças não apenas pela ótica sistêmica, aplicando as melhores ferramentas e metodologias de gerenciamento, mas também sob o ponto de vista do grupo e, principalmente, do indivíduo. “A mudança tem que ser compreendida e aceita, primeiramente, pelo indivíduo, que precisa estar aberto ao novo. Para isso, os profissionais em cargo de gestão, independentemente do segmento da empresa, precisam desenvolver as chamadas soft skills e repassar às suas equipes conceitos de inteligência emocional, modelos mentais e gestão de pessoas”, ressalta Caríssimi.

Segundo levantamento da PageGroup, referência mundial em recrutamento de executivos, a evolução das profissões é tamanha que cerca de 70% das crianças de hoje trabalharão em funções que ainda não existem. Além disso, trocas de emprego serão cada vez mais naturais: a tendência é que os profissionais busquem trabalhos de curta duração e projetos com início e fim, não mais carreiras estáticas. As empresas terão que buscar novas formas de atrair e reter os melhores profissionais do mercado. “Quem não se preparar para as novas dinâmicas do trabalho poderá sucumbir. Por isso, muitas corporações já possuem áreas específicas de Gestão de Mudanças ou contratam consultorias especializadas no serviço”, finaliza.

Continuar lendo

Como os pets mudam os ambientes de trabalho

Presença de animais de estimação nas empresas tem sido um dos recursos utilizados para deixar o clima menos pesado e mais alegre

Eles são fofos, engraçados, companheiros e amorosos. Não é para menos que os pets são considerados membros da família do brasileiro. Cada vez mais, a companhia deles tem se tornado natural em outros espaços, os chamados “pet friendly”. Hotéis, lojas, restaurantes, shopping centers e até ambientes de trabalho. Além da fofura, é cientificamente comprovado que a presença de animais de estimação nas empresas estimula o bem estar dos colaboradores.

Na Motoboy.com, por exemplo, um dos membros do time é o Romero, um pug de quatro anos que é a alegria da equipe. “Ele participa de vários momentos junto com os colaboradores. Percebemos que a presença dele tem proporcionado momentos de descontração, com a equipe querendo tirar fotos com ele, abraçar e curtir sua companhia, principalmente nos dias de maior estresse”, conta o CEO da startup, Jonathan Pirovano. “Com certeza afeta positivamente a produtividade, ao mesmo tempo em que possibilita momentos de maior integração entre todos”, avalia.

A fintech Asaas adotou uma cadelinha que convive diariamente com os colaboradores e tem até cargo: a Asinha é a Analista de Felicidade Jr. Ela foi adotada pelo CEO Piero Contezini e a ideia logo foi amparada pelos demais sócios da startup que desenvolve uma conta digital para empreendedores. “Nós trouxemos a Asinha para a empresa por duas razões, uma delas é para incentivar a adoção de animais, que é uma causa que defendemos, e outra para tornar o ambiente de trabalho mais leve e feliz. Um bicho de estimação desestressa os colaboradores e também cria um clima de colaboração, pois todos se revezam para levá-la para passear e cuidar dela”, explica Piero, que já tem outros quatro cães adotados em casa.

Outra companhia que aderiu aos pets no escritório é a WK Sistemas, empresa de Blumenau que desenvolve softwares para gestão de empresas (ERP). Desde o começo do ano, os colaboradores podem fazer uma escala para levar seus bichinhos para acompanhar seus dias no trabalho. A empresa também tem um Pet Day anual, quando todo mundo pode levar seus animaizinhos no mesmo dia, não importa a espécie: tem colaborador que leva peixe, tartaruga, porquinho da índia e até galinha. “A WK entende a importância que os animais de estimação têm na vida das pessoas, e, por isso, propiciamos um espaço para eles como uma forma de deixar o dia dos colaboradores mais alegre. É uma iniciativa que reforça nosso compromisso com o bem-estar dos nossos profissionais”, conta a diretora administrativa, Cláudia Denardi Rutzen.
Benefícios dos pets para a saúde mental

No Brasil, a cada dez brasileiros, nove possuem algum tipo de ansiedade. E a estatística é ainda mais assustadora: dessa parcela, quase a metade — 47% — possui algum nível de depressão, de acordo com pesquisa divulgada pelo International Stress Management Association. 

 

Para combater essas doenças (seja ansiedade, depressão, estresse ou síndromes como Burnout), muitos gestores têm se preocupado em elaborar estratégias para ajudar colaboradores a enfrentar esses desafios. E a simples presença de pets nas empresas tem sido um dos recursos utilizados para deixar o ambiente menos pesado e mais alegre, além de auxiliar nas pausas tão necessárias que os colaboradores podem e devem fazer. 

Em 1999, a Pet Sitters International (associação norte-americana com fins profissionalizantes voltada para cuidadores de pets) criou o Take Your Dog to Work Day, ou Dia de levar seu cachorro para o trabalho, em tradução livre. Mas o que antes ficava restrito a um dia do ano, hoje passou a se tornar realidade em muitas empresas.

Fonte: Dialetto

Processo seletivo da Votorantim tem até workshop de entrevista de emprego

Durante a semana que integração, os novatos tiveram a oportunidade de conhecer as áreas da empresa, conversar com gestores e ouvir de outros estagiários as atividades que realizam em suas áreas (Leandro Fonseca/VOCÊ S/A

Os novos funcionários também participam de cursos de autoconhecimento, inteligência emocional, gestão do tempo, Excel e PowerPoint

Participar de um processo seletivo não é tarefa fácil, ainda mais para quem está em busca do primeiro emprego. Para melhorar a experiência dos candidatos do seu programa de estágio, a Votorantim ofereceu um workshop de entrevista de emprego para aqueles que passaram pela etapa online. Ao todo, foram mais de 2 500 universitários inscritos.

Antes da etapa de entrevistas, os candidatos tiveram um workshop presencial com dicas de como é a dinâmica de uma entrevista de emprego. “A gente tem uma crença de que todo mundo precisa sair com uma experiência positiva quando entra em contato com a empresa, mesmo que acabe não sendo selecionado”, explica Dimitriu Bezerra, coordenador de atratividade e seleção da Votorantim. Continuar lendo

Conheça a TOTAL ALIMENTAÇÃO!

Referência em serviços de alimentação para empresas desde 2011, a Total Alimentação possui uma maneira inovadora de oferecer seu trabalho: o cardápio é elaborado de forma a propiciar uma maior qualidade e bem estar aos usuários dos restaurantes, aumentando sua disposição para o dia a dia. Além de cardápios personalizados, atuamos também na personalização do restaurante, com projetos e layouts cuidadosamente pensados, proporcionando melhor solução de espaço, tornando assim o ambiente mais agradável e confortável.

Recentemente a unidade Fagor Ederlan, localizada na cidade de Extrema – MG, foi reinaugurada, com um layout mais moderno e acolhedor.
Total Alimentação.
Seja completo, seja Total.

Saiba mais: http://www.totalalimentacao.com.br/

Carnaval É Feriado? Entenda Como Funciona A Jornada De Trabalho

“Você sabia que o Carnaval não é um feriado nacional?”. “Como assim? Claro que é!”. Em um bate-papo aleatório no trabalho, chegamos a essa pauta. Resumindo: pois é, a amada e tão esperada festa não é um feriado nacional. A terça-feira (neste ano, o dia 25 de fevereiro) só é feriado nos estados ou municípios onde há lei específica para o tema, a exemplo do Rio de Janeiro desde 2008.

Definidos pela Lei Federal nº 662, de 1949, os feriados nacionais são apenas: 1.º de janeiro, 21 de abril, 1.º de maio, 7 de setembro, 12 de outubro, 2 de novembro, 15 de novembro e 25 de dezembro. Ou seja, na capital paulista, por exemplo, as empresas podem determinar que seus colaboradores trabalhem no Carnaval. Continuar lendo

Conheça o Serviço de Ronda Motorizada JSERV MULTSOLUÇÕES

O serviço de ronda motorizada antemuros é parte fundamental da estratégia de segurança para empreendimentos, já que disponibiliza um importante apoio operacional à equipe de portaria e controle de acesso.

Como funciona o serviço de ronda motorizada?

Com o objetivo de ampliar o raio de proteção do empreendimento, a ronda motorizada antemuros age de maneira preventiva, diminuindo drasticamente o risco de invasão em empresas e condomínios. Oferece apoio tático importante ao restante da equipe de segurança, já que está apta para prever possíveis riscos em todo perímetro.

Podemos destacar como atribuições da equipe:

  • Proteger o empreendimento e pessoas que nele circulam;
  • Reforçar a segurança da entrada e saída de pessoas e veículos, auxiliando diretamente nos processos de controle de acesso.

Continuar lendo

O Que É Carteira De Trabalho Digital E Quais Os Benefícios?

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é um dos documentos mais importantes para os trabalhadores. Ela comprova os vínculos empregatícios e o tempo de serviço prestado em cada um dos contratos, informações essenciais para assegurar os benefícios trabalhistas e previdenciários.

A fim de melhorar o atendimento e a experiência dos cidadãos com os serviços disponibilizados pelo governo, foi lançado o aplicativo da CTPS digital. Até o momento, ele não substitui a versão física do documento, como o título de eleitor, porém, é uma ferramenta útil para facilitar a vida do cidadão e diminuir o número de fraudes relacionadas aos benefícios trabalhistas e previdenciários. Continuar lendo

Namoro no Trabalho – Quais são os cuidados a tomar quando você se apaixona por um colega

O dia 14 de fevereiro é a data oficial da comemoração de Dia dos Namorados em vários países.  E como muitas pessoas já me questionaram sobre o que é aceitável (ou não) quando o assunto é relacionamento amoroso no ambiente de trabalho, resolvi falar sobre esse tema.

Ao longo da minha carreira como gestora, já tive, por exemplo, funcionários que se casaram com parceiros da mesma área ou companhia. Eu sempre encarei esse assunto com naturalidade: passamos boa parte dos nossos dias no ambiente profissional e é totalmente aceitável se apaixonar por alguém que trabalhe conosco.

Mas quem passa por isso enfrentará algumas questões. Separei seis delas.

1. Regras internas 

Relacionar-se com alguém do trabalho pode impactar a carreira. Por isso, antes de começar pense nas consequências. Se existir o real desejo de ficar junto, é importante observar as regras da companhia. Muitas empresas têm um código de ética para essas situações e é preciso cumpri-lo. Continuar lendo

O que responder ao “me fale sobre você”?

Quem já fez entrevista de emprego sabe da famosa (e muitas vezes temida) frase: Me fale sobre você. A boa notícia é que você não precisa ter medo dela não.

Quem já fez entrevista de emprego sabe da famosa (e muitas vezes temida) frase: Me fale sobre você. A boa notícia é que você não precisa ter medo dela não.

“Essa é uma pergunta que sempre será feita. O consultor consegue avaliar se o perfil está alinhado às exigências da vaga, com a cultura da empresa e o quanto o candidato se percebe. É uma pergunta poderosa que esclarece diversos pontos” explica Karina Pelanda, coordenadora de recrutamento e seleção da RH Nossa. Continuar lendo

Tatuagem no trabalho e no processo seletivo. O que fazer com ela?

Você não precisa esconder, mas deve saber que ela será interpretada de alguma forma

Como especialista em recrutamento, vou dizer o que penso sobre tatuagem no trabalho. Eu concordo que tatuagem não diz nada sobre competências e que julgar alguém por ter ou não ter tatuagens é uma forma de preconceito.

No entanto, acredito que toda tatuagem tem uma razão de existir, um significado. É exatamente esse significado que leva as pessoas a desenharem e escreverem em seu próprio corpo. Como algo que tem tanta simbologia e significado não pode ser interpretado, inclusive no trabalho ou durante uma entrevista de emprego? Vou dizer algo que você já deve saber. Tudo conta na entrevista de emprego. Tudo contribui para sua imagem profissional. A forma como você fala, o perfume que usa, a roupa que escolhe e até seus sapatos. Continuar lendo

Contra o “burnout”, empresas contratam psicólogo virtual

Aumento de ansiedade, depressão e esgotamento associados ao trabalho estimula investimento na saúde mental de empregados

Um robô virtual acompanha diariamente o humor dos funcionários de uma empresa. Uma plataforma oferece terapia on-line e presencial. Um selo indica as companhias que cuidam do bem-estar de seus colaboradores. Aos poucos, iniciativas ligadas à saúde mental no trabalho começam a se destacar no Brasil para fazer frente ao cenário de crescente ansiedade e esgotamento causado pelo trabalho que caracterizam a síndrome conhecida como burnout.

A síndrome já afeta um em cada cinco brasileiros, como revelou recentemente uma pesquisa coordenada pela psiquiatra Carmita Abdo, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). São profissionais exaustos, que já não se identificam com o que fazem e acabam bloqueados em suas funções – paralisados e “queimados” pelo
burnout. Continuar lendo

O que acontece quando se junta uma gigante multinacional e excelentes alunos?

Quando pensamos em grandes empresas, conglomerados internacionais que movimentam bilhões no mercado com a venda de seus produtos, logo imaginamos indústrias que atuam em absoluta perfeição, sem que precise de ajustes ou algo parecido.

Certo? Errado!

E um grupo de estudantes da Faex, uma faculdade no Sul de Minas Gerais, provou isso recentemente. Em uma parceria inédita com a Panasonic, os alunos desenvolveram um projeto que irá possibilitar uma economia à empresa em seus custos de logística. Continuar lendo

Como Treinar Profissionais De Diferentes Gerações

Os avanços tecnológicos na medicina, nos meios de transporte e na forma de se comunicar, combinados à diminuição da taxa de natalidade e ao aumento na expectativa de vida dos brasileiros, provocaram um envelhecimento significativo na população do país nas últimas décadas.

Segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), espera-se, ainda, que o número de pessoas acima de 60 anos atinja cerca de 33% do índice demográfico em 2060.

Devido à situação política e econômica do país, atualmente, muitos profissionais maduros desejam continuar em seus cargos e outros tantos buscam se reinserir no mercado de trabalho. Essa realidade está obrigando as empresas a transformar sua relação com pessoas acima de 60 anos. A novidade também atinge os trabalhadores mais jovens que estão aprendendo cada vez mais a lidar com as divergências de mindset no ambiente profissional. Continuar lendo

Virando o jogo: um manual para a implementação da equidade de gênero nas empresas

Grande parte da mudança está na “reeducação e sensibilização de todos os colaboradores”

Podemos dizer que nos últimos tempos tem havido uma energia e uma atenção sem precedentes em busca pela igualdade de gênero. Isso possibilita uma grande oportunidade de viabilização de metas ambiciosas e ousadas, segundo Melinda Gates.

As projeções do Fórum Econômico Mundial, que mede a igualdade de gênero com base na representação das mulheres na força de trabalho e em cargos públicos, bem como na saúde e educação, afirmam que o Brasil levará 257 anos para alcançar a equidade de gênero. Os Estados Unidos, o Canadá, e Reino Unido levarão 208, 51 e 74 anos, respectivamente. Continuar lendo

Empresa Pode Proibir Que Colaboradores Fumem Durante O Expediente?

Regulamentada há dez anos no Estado de São Paulo e em todo o país há pouco mais de cinco a denominada “Lei Antifumo” proíbe o fumo em locais fechados ou parcialmente fechados, e, neste curto espaço de tempo, a lei mostrou resultados importantes na redução do tabagismo e de modo geral mudança na cultura e hábitos das pessoas.

Mas, em relação ao ambiente de trabalho, como ficam os empregados fumantes diante da proibição de fumar em locais fechados? Está a empresa obrigada e conceder períodos de intervalo para que se possa fumar em local externo? Continuar lendo