Cargo de Confiança: o que o RH deve saber?

pexels-photo-3184328.jpeg

Foto por fauxels em Pexels.com

Quando um colaborador é eficiente, produtivo e demonstra outras qualidades ou habilidades profissionais relevantes, ele pode vir a exercer um cargo de confiança na empresa. 

Essa promoção, no entanto, traz responsabilidades diferentes em relação a uma função de execução, como acontece com analistas de maneira geral, por exemplo.

Além disso, os que atuam em um cargo de confiança, têm direitos trabalhistas diferentes dos demais profissionais. Sendo assim, é necessário o DP e o RH ficarem atentos às regras que asseguram o cargo, para evitar problemas trabalhistas.

Neste artigo, mostraremos quais são esses direitos assegurados pelas leis do trabalho. Explicaremos também o que é um cargo de confiança, sua utilidade para a empresa e requisitos para ocupá-lo. Continuar lendo

Carreira em Y beneficia diferentes perfis

pexels-photo-1595391.jpeg

Foto por Fox em Pexels.com

Você já ouviu falar na carreira em Y? Uma das marcas das gerações contemporâneas é a incrível variedade de formatos de carreira em seu horizonte. Com a longevidade em alta, seria mesmo de se esperar que os profissionais reformulassem suas trajetórias no decorrer da vida. E é o que tem acontecido. Buscar mais de uma formação acadêmica, fazer transições de profissão, se dedicar a um projeto por tempo determinado e exercer duas ocupações distintas ao mesmo tempo são algumas das opções do amplo leque existente no mercado. Continuar lendo

Saúde mental no trabalho ainda é tabu para a liderança e precisa ser desmitificada

pexels-photo-3755755.jpeg

Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

O cuidado com o bem-estar e a saúde mental dos colaboradores é, hoje, a principal dor das empresas. No Brasil, dados da Previdência Social informam que, só em 2021 mais de 75 mil brasileiros sofreram afastamento do trabalho por conta de quadros de depressão. O tema é antigo, mas foi escancarado com a pandemia e ganhou a visibilidade da alta liderança.  Continuar lendo

5 séries e filmes sobre ESG para maratonar no final de semana

pexels-photo-296084.jpeg

Foto por Lukas em Pexels.com

Cada vez mais presente nas discussões sobre os rumos da governança e da sustentabilidade, o ESG virou pauta obrigatória no mundo corporativo. Sigla para environmental, social, and corporate governance (ambiental, social e governança, em tradução livre), o tema ganhou força na medida em que influencia não só as relações internas de trabalho, mas também a perspectiva que a sociedade mantém em relação a determinado negócio ou empreendimento. Continuar lendo

4 coisas que você deve saber para oferecer um bom feedback

pexels-photo-7083950.jpeg

Foto por Laura Tancredi em Pexels.coma

Quanto mais estreita for a relação entre funcionário e gestor, maior será sua confiança em relação à empresa

Feedback é a chave para motivar e desenvolver os colaboradores. Uma pesquisa realizada pelo Great Place to Work mostra que 58% dos funcionários das 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil receberam mais de três feedbacks no ano. O grau de confiança dos que obtiveram três feedbacks foi de 86%, contra 78% para os que receberam apenas um feedback. Isso deixa explícito o quanto o feedback contínuo pode ser relevante para o funcionário.

 

Continuar lendo

Como o RH pode se prevenir contra fraudes em atestados médicos?

medical-appointment-doctor-healthcare-40568.jpeg

Foto por Pixabay em Pexels.com

Nos últimos dois anos, o número de atestados médicos referentes à saúde mental aumentou em 30%, segundo pesquisa realizada pela startup de Gestão de Saúde, Closecare. As enfermidades que impactam o emocional já representam a terceira maior justificativa de afastamentos e, de acordo com estudos recentes, em menos de 10 anos tendem a ser a principal causa. Continuar lendo

Como o mercado de trabalho pode se mobilizar para combater o etarismo?

pexels-photo-3823542.jpeg

Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

De acordo com um relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), no Brasil, cerca de 16,8% dos brasileiros com mais de 50 anos já foram vítimas de algum tipo de discriminação por conta da idade. O estudo deixa claro que o etarismo – que se refere ao preconceito moldado por estereótipos de idade – não é um problema exclusivo da população idosa, o que se agrava quando a discussão é levada ao mercado de trabalho. Continuar lendo

Um líder tem influência de até 70% no engajamento dos funcionários

pexels-photo-4344340.jpeg

Foto por Edmond Dantu00e8s em Pexels.com

Criar um clima saudável dentro da empresa é fundamental

O sucesso de uma empresa é a soma dos processos técnicos e dos processos humanizados. Uma empresa que proporciona um ambiente de trabalho saudável reconhece os valores de cada profissional, e de que o humor da equipe influencia muito na produtividade, mais do que o salário. E quando se fala em turnover, muitos gestores e membros do RH se policiam para que a estatística não aumente dentro da organização. Continuar lendo

Assédio moral: problema caro, perigoso e que não pode passar despercebido

pexels-photo-4964778.jpeg

Foto por Ketut Subiyanto em Pexels.com

De acordo com dados do Tribunal Superior do Trabalho (TST), somente em 2021 foram registrados 52.936 processos motivados por assédio moral nas empresas. A estatística superou de maneira significativa a estatística do ano anterior, que registrou 12.529 casos levados à Justiça. Continuar lendo

5 vantagens do uso de Cloud Computing no RH

pexels-photo-1714208.jpeg

Foto por Josh Sorenson em Pexels.com

Apostar no uso do cloud computing dentro do setor de RH é uma forma de permitir informações em qualquer lugar e de forma totalmente independente.

Sem programas instalados no computador.

Portanto, são maneiras simples de executar serviços pela internet. 

GIF Sertec_JackelyneB_300x300O departamento pessoal atual tem muitos processos que demandam tempo e eficiência de toda equipe. 

Nesse caso, apostar na computação em nuvem, vem sendo a estratégia mais segura na hora de otimizar as atividades.

Quer praticidade para a sua empresa e principalmente para o dia a dia do seu RH? 

Confira ao longo desse conteúdo tudo sobre o cloud computing. 

Boa leitura!

Como usar o Cloud Computing no RH

É simples! 

O responsável do RH, entende como funciona o cloud computing, onde as informações são guardadas em um determinado lugar, podendo ser acessado remotamente.

Apenas com um acesso a internet.

A ferramenta de integração de sistemas une os dados e os relacionam com as demais áreas da empresa. 

Assim, a nuvem gera economia com infraestrutura, servidores, equipe técnica e sistema de proteção contra ataques.

GIF-200x150

Com isso, pode-se desenvolver métodos adequados e que contribuam para uma melhoria contínua do RH e de toda empresa.

Uma vez que, quando o setor vai bem, espera-se que todos os demais também sigam corretamente

5 vantagens do uso do Cloud Computing no RH

É justamente no cloud computing que são armazenados os dados da empresa.

O que demanda apenas uma boa conexão com a internet para poder acessar essas informações. 

Utilizar o RH nesse modelo vem atraindo muitas empresas pela facilidade e segurança, dentro da transformação digital.

Pensando nisso, separamos 5 vantagens do uso do cloud computing no RH. 

Confira:

#1 Auxilia no controle de senhas

Aumenta a segurança dos dados confidenciais como as senhas, produzidos pela empresa e todas as informações relacionadas aos funcionários.

Utilizando método de codificação das informações, conhecido por criptografia, onde apenas emissores e receptores conseguem decifrar. 

Optar pelo cloud computing no RH contribui para fortalecer as estratégias empresariais.

#2 Promove o acesso mobile

É uma forma de acesso ao endereço eletrônico da empresa, adaptada para funcionar em qualquer dispositivo móvel desde que tenha acesso a internet, seja smartphone ou tablet.  

Não existe a necessidade de um aplicativo, pois a cloud computing armazena os arquivos para fácil acesso. 

Gif site (180 x 180 px) (1) (1)

Toda essa tecnologia facilita as trocas de feedbacks em tempo real.

#3 Ajuda na escalabilidade operacional

Esse tipo de serviço permite que a empresa aumente ou diminua os recursos da cloud computing sempre que quiserem. 

Não existe a necessidade de recursos provisórios, afinal a escalabilidade operacional atua seguindo o crescimento da empresa. 

É válido ressaltar que essa implantação pode levar tempo e o serviço pode ser utilizado apenas de maneira pontual.

#4 Otimiza a gestão

O cloud computing não mantém apenas o hardware virtual para as empresas.

Mas sim as principais e mais eficazes formas de tornar a gestão de dados confiável e sempre atualizada pelo RH. 

Acima de tudo, as soluções são totalmente acessíveis garantindo inúmeras vantagens para todos os colaboradores da empresa.

Veja também: Saiba fazer uma boa gestão do tempo no departamento pessoal.

#5 Aumento de produtividade

Junto a facilidade de acessar registros dos colaboradores com uso de computadores, tablets e celulares, de forma imediata.

Todas as tarefas relacionadas à gestão pessoal passam a ser facilitadas. 

O sistema de RH armazenado em nuvem permite que os gestores tenham contato individual com cada um da sua equipe. 

Isso faz com que seja possível trabalhar a distância sem comprometer a qualidade dos serviços. 

Além de compartilhar e integrar muitos sistemas de forma simultânea.

Importância da transformação digital no RH

A maior importância da transformação digital no RH, se dá por conta das motivações para reter e engajar os funcionários de forma contínua. 

Assim, pode-se destacar um compromisso com remunerações compatíveis com o mercado.

Também com pacotes de benefícios, mais qualidade no ambiente de trabalho e respeito perante os direitos dos trabalhadores.

O setor de recursos humanos compreende muitas funções.

Onde incluem recrutamento e seleção de pessoas, treinamento e desenvolvimento para retenção de talentos das instituições.

Pode-se dizer que adotar as praticidades do cloud computing no RH contribui para fortalecer uma das áreas mais estratégicas das empresas. 

Junto a essas tecnologias, as tarefas param de ser problemas, e começam a atingir maiores objetivos.

Essas foram apenas algumas vantagens que a computação em nuvem pode oferecer para a área de recursos humanos. 

Junto a tecnologia as inovações e melhorias podem garantir inúmeros processos eficientes para as empresas.

O que achou do artigo? 

Compartilhe com sua rede de amigos. 

Aproveite e saiba como melhorar o engajamento de colaboradores na empresa com o avanço da tecnologia.

Informação nunca é demais!

Por Paula Moraes, Redatora Freelancer

Faça essas 4 perguntas antes da entrevista para performar

pexels-photo-3205566.jpeg

Foto por cottonbro em Pexels.com

Quem procura emprego vive sonhando com a oportunidade de estar “cara a cara” com o recrutador.

Quem procura emprego vive sonhando com a oportunidade de estar “cara a cara” com o recrutador. Entretanto, quando o convite chega bate aquele frio na espinha e muitos já se desesperam antecipadamente. O que é consequência da não preparação. Continuar lendo

O que mudou nos direitos trabalhistas de quem tem Burnout?

pexels-photo-7407380.jpeg

Foto por cottonbro em Pexels.com

Em setembro de 2021, publicamos um conteúdo referente aos direitos trabalhistas de empregados que sofrem com ansiedade, depressão ou síndrome de Burnout. Todavia, como você sabe – e também informamos -, em janeiro deste ano o Burnout passou a integrar a 11ª versão da Classificação Internacional de Doenças (CID-11). Em outras palavras, a enfermidade recebeu o status de doença ocupacional. Continuar lendo

Diversidade: Aumenta o número de mulheres chefiando as finanças das empresas

pexels-photo-3861958.jpeg

Foto por ThisIsEngineering em Pexels.com

Segundo levantamento, 32% das novas nomeações realizadas no ano passado para CFO foram de mulheres, dobrando percentual verificado em 2020

Aumento do número de mulheres ocupando as cadeiras de Chief Financial Officer (CFO) em 2021 é achado de estudo recente da consultoria Russell Reynolds Associates, que analisou empresas que integram o índice Standard & Poor’s 500 – S&P, nos Estados Unidos. Segundo o levantamento, 32% das novas nomeações realizadas no ano passado para CFO foram de mulheres, dobrando percentual verificado em 2020. Continuar lendo