6 erros que podem estar impedindo você de conseguir um emprego

Com as demissões e as poucas oportunidades de contratações, o número de pessoas procurando oportunidades aumentou e a concorrência está cada vez mais acirrada

Apesar de mostrar lentos sinais de recuperação, o Brasil vive atualmente um momento delicado em seu cenário econômico. Um dos fatores que mais contribui para o agravamento da situação é a alta do desemprego, que desacelera a distribuição de renda, o consumo e consequentemente toda a roda gigante da economia brasileira.

Com as demissões e as poucas oportunidades de contratações, o número de pessoas procurando oportunidades aumentou e a concorrência está cada vez mais acirrada.

Portanto, é cada vez mais importante evitar erros grotescos na hora de disputar uma boa vaga de emprego.

Para isso, listamos abaixo X questões que podem melhorar a sua imagem profissional e dar destaque na disputa por um novo trabalho:

Não se aperfeiçoar

 Estar atualizado é essencial em tempos de alta concorrência. Afinal, vence quem sabe mais e gera resultados melhores, e nada disso pode ser feito sem conhecimento. Atualizar-se em relação ao trabalho que pretende exercer pode fazer toda a diferença para o profissional de seleção. Outra dica é, se possível, fazer uma pós ou algum curso de curta duração que gere um aprofundamento em seus conhecimentos, dando mais destaque ao seu currículo e eliminando os outros concorrentes.

Independente da sua posição e de suas experiências profissionais, é sempre válido se colocar na posição de aprendiz em alguma área da vida.

Postura agressiva nas redes sociais

Profissionais de seleção estão cada vez mais ligados nas redes sociais dos possíveis funcionários e não há nada de errado nisso. Afinal de contas, redes sociais são espelhos do mundo externo e podem mostrar um pouco do comportamento das pessoas em seu cotidiano. Portanto, muito cuidado com o que se publica e compartilha na rede.

Viver falando mal de tudo no Facebook, por exemplo, pode soar como uma pessoa crítica em excesso.

É sempre bom lembrar que as redes sociais são canais concretos de comunicação e aproximação, o que também é válido profissionalmente. Outra dica é atualizar redes específicas para o âmbito profissional, como é o caso do LinkedIn, por exemplo. Não são raras as oportunidades disponíveis na plataforma que permite, entre outras coisas, o cadastro de currículos e a “conexão” com altos executivos e profissionais de destaque.

Networking frágil

Ter contatos é um bom caminho para conseguir indicações importantes na seleção por boas oportunidades profissionais. Portanto, busque não economizar simpatia e disposição para criar e manter um relacionamento saudável com pessoas influentes. Uma outra dica é não buscar o contato com essas pessoas somente no momento da necessidade, pois tal situação pode demonstrar que o seu único interesse é a oportunidade de crescimento profissional, gerando um efeito negativo e atrapalhando seu objetivo.

Estar alheio ao mercado

É necessário encarar a realidade e aprenda a se adaptar a ela. Por isso, sempre que possível faça buscas na internet, leia livros sobre o assunto ou converse com amigos e profissionais sobre como está o atual estado do mercado de trabalho, onde estão as boas oportunidades e o onde não investir naquele momento.

Fazer spam de currículo

Tão importante quanto saber como, onde e quando enviar o currículo, é como, onde e quando não enviá-los. Lotar a caixa de e-mail de uma empresa com currículos, por exemplo, é uma atitude que demonstra o desespero do profissional e a sua falta de profissionalismo, além de muitas vezes gerar um certo incômodo nos funcionários que recebem estes e-mails.

Além disso, é importante evitar importunar desconhecidos em redes sociais como Facebook e LinkedIn, gerando um mal estar antes mesmo de participar do processo seletivo.

Não saber o que quer

Saber o que quer é o primeiro passo para buscar boas oportunidades. De nada adianta ter um currículo enriquecedor se o profissional não está empolgado em determinada vaga. Possivelmente o selecionador vai notar isso e por consequência descartar o candidato. Autoconhecimento é importante para que você saiba o que vai buscar, como vai buscar e apresente respostas concretas sempre que questionado. Buscar por vagas que não têm seu perfil, o que o levam sempre a portas fechadas e nãos.

Fonte: Administradores 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s