Veja como reinventar sua carreira com Taylor Swift

swift14f-1-webConfira os conselhos da cantora para renovar sua imagem e ser bem-sucedido

Aos 25 anos, Taylor Swift não teve medo de reinventar sua carreira. Do estilo country, com direito a botas de franja e músicas sobre corações partidos, a cantora e compositora se tornou, de fato, uma diva POP inspirada nos anos 80 em seu mais novo álbum, 1989, lançado em 2014. O resultado? Um milhão de cópias vendidas em apenas uma semana.

O exemplo de Taylor é mais um dos casos de popstars que recomeçaram e, por sua ousadia, tiveram ainda mais sucesso como recompensa. No entanto, não é preciso ser uma estrela da música para reinventar sua carreira. Se você acredita que chegou a hora de mudar seus rumos profissionais, confira as dicas de Taylor e Begin Again!

1 – Fearless
Valorizar seu trabalho, apesar das críticas, é fundamental para que outros também possam admirar aquilo que você faz, mesmo que para isso você precise tomar algumas atitudes consideradas drásticas. No caso de Taylor, um ótimo exemplo foi sua decisão de retirar seus álbuns do Spotify, site de streaming de músicas. A justificativa foi o baixo valor pago para os artistas – menos de um centavo por canção. Se você não se sente confortável em tomar uma medida tão radical, uma boa dica é oferecer amostras de seus produtos ou serviços, para que seus clientes possam prová-los e então compreender o motivo do preço fixado.

2 – I Know What I Want
Suponha que você esteja abrindo o próprio negócio, com certeza deve ter recebido diversas sugestões e críticas sobre o modo como você administra. É claro que bons conselhos são bem-vindos, porém, mantenha-se fiel aos seus princípios e a própria visão sobre sua empresa. Incluir valores pessoais na sua marca, como Taylor faz em suas músicas, é uma ótima maneira de fazer um branding efetivo, afinal, há muito mais chances de que seus clientes se interessem pela sua empresa caso percebam princípios semelhantes aos deles. Lembre-se que conquistar a confiança dos clientes é o primeiro passo para o sucesso da sua marca.

3 – Style
Lembre-se que a sua marca pessoal é tão importante quanto à dos seus negócios, portanto, para ser conhecido e se tornar uma referência no ramo, trabalhe também a sua imagem. No caso de Taylor, a maior mudança aconteceu em relação ao seu estilo pessoal: a cada álbum lançado, ela incluía mudanças em seu guarda roupa, cabelo e maquiagem, sempre registrando as mudanças pessoais em seu Instagram. Como resultado, sua imagem sempre esteve coesa em relação ao momento de carreira e ela acabou se tornando um ícone da moda, atraindo ainda mais atenção da mídia. Além disso, ela sempre fez questão de se associar a causas importantes, como no episódio em que foi a um hospital de Boston dar apoio ao pequeno Jordan Lee Nickerson, que aos seis anos sofria de leucemia. Em termos corporativos, manter perfis do Facebook, Twitter e LinkedIn atualizados com suas mais recentes conquistas é uma ótima forma de obter resultados similares.

4- I Knew You Were Trouble
Taylor reconhece a importância do network para a carreira e, ao longo dos anos, procurou cercar-se de companhias que contribuiriam para seu sucesso, como o músico Ed Sheeran, com quem compôs canções em parceria, a cantora Lorde e a modelo Karlie Kloss. Outra amizade que impulsionou sua carreira foi a da atriz e roteirista Lena Dunham, bastante associada ao feminismo e ao empoderamento feminino, grandes bandeiras da “era 1989”. Com esses exemplos, fica clara a necessidade de ampliar e fortalecer a rede de contatos e, nesse ponto, a internet pode ser uma excelente ferramenta, mas é essencial manter o foco nos relacionamentos presencialmente. Seu comportamento no LinkedIn deve refletir sua personalidade fora da internet, portanto, para fazer amizades no seu ramo, não adianta responder a todas as mensagens nas redes sociais e não ser uma pessoa atenciosa pessoalmente.

5 – Long Live
Tenha em mente que construir uma carreira é um projeto a longo prazo, portanto, mesmo que uma mudança radical seja necessária, ela deve ser feita aos poucos. Lembre-se que seus clientes estão acostumados a certo padrão e, por mais que a transformação seja para melhor, é preciso construir o conceito gradualmente, para que as pessoas possam assimilá-lo. Observando a trajetória musical de Taylor, é possível entender todas as sutis mudanças que ocorreram desde Taylor Swift, seu primeiro álbum, lançado em 2006, até chegar ao momento atual. Delicadamente, a compositora incluiu novos cenários em suas letras, fez mudanças no figurino e experimentos variados arranjos musicais. Dessa maneira, seus fãs tiveram a sensação de que houve um claro amadurecimento ao longo desses oito anos e que, de certa forma, acompanhou o próprio crescimento de quem já gostava de suas músicas há quase uma década.
Fonte: Universia Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s