Como os bem sucedidos lidam com pessoas tóxicas

pessoa toxicaEstudos apontam que mesmo a exposição por alguns dias ao estresse compromete a eficácia dos neurônios do hipocampo – importante área do cérebro responsável pelo racioncínio e memória

A presença de pessoas tóxicas no ambiente de trabalho desafia a lógica. Enquanto algumas estão inconscientes do impacto negativo que têm sobre aqueles que as rodeiam, outras se satisfazem em criar caos e provocar outras pessoas. De uma maneira ou de outra, elas criam uma complexidade desnecessária e, o pior de tudo, estress.

Estudos apontam que mesmo a exposição por alguns dias ao estresse compromete a eficácia dos neurônios do hipocampo – importante área do cérebro responsável pelo racioncínio e memória. A exposição diária e contínua por meses pode, inclusive, levar à danos permanentes aos neurônios e chegar até mesmo a destruí-los completamente.

Uma pesquisa recente do Departamento de Ciências Biológicas e Psicologia Clínica da Universidade Friedrich Schiller, na Alemanha, descobriu que a exposição a estímulos que causam fortes emoções negativas – o mesmo tipo de exposição você obtém quando lida com pessoas tóxicas – causa nos sujeitos uma resposta maciça de estresse. As pessoas tóxicas conduzem o seu cérebro a um estado estressado que deve ser evitado a todo custo.

A capacidade de controlar suas emoções e manter a calma sob pressão tem um link direto para o seu desempenho. TalentSmart realizou uma pesquisa com mais de um milhão de pessoas, e descobrimos que 90% dos melhores desempenhos são hábeis em controlar suas emoções em momentos de estresse, a fim de manter a calma e o controle. Um de seus maiores dons é a capacidade de neutralizar pessoas tóxicas.

Como uma ameaça real ao seu sucesso, o estresse deve ser minimizado ao máximo no ambiente de trabalho. Ter companheiros de escritório que causam situações estressantes é, entretanto, inevitável. Aprender a lidar com eles, por outro lado, é a sua principal meta para conquistar seus objetivos na empresa.

Para lidar com pessoas tóxicas de forma eficaz, você precisa de uma abordagem que permita controlar o que você pode e eliminar o que você não pode. A coisa importante a lembrar é que você está no controle de muito mais do que imagina.

Confira algumas estratégias listadas pelo escritor Travis Bradberry, na Forbes, para lidar melhor com esses causadores de estresse:

Estabeleça limites (principalmente com os reclamões)

Reclamões e pessoas negativas são ruins porque elas afundam nos seus próprios problemas e não conseguem se concentrar em soluções. As pessoas muitas vezes se sentem pressionados para ouvir queixas porque não quer ser visto como insensível ou rude, mas há uma linha tênue entre a emprestar um ouvido simpático e ser sugado para dentro do espiral emocional negativo. Você pode evitar isso só pelo estabelecimento de limites e distanciando-se quando necessário. Uma ótima maneira de estabelecer limites é perguntar como eles pretendem resolver o problema. Eles não vão querer acalmar ou redirecionar a conversa em uma direção produtiva.

Não morra lutando

As pessoas de sucesso sabem o quão importante é viver para lutar outro dia, especialmente quando seu adversário é um indivíduo tóxico. Quando você lê e responde às suas emoções, você é capaz de escolher suas batalhas com sabedoria.

Seja superior (mas não arrogante)

Pessoas tóxicas enlouquecem você por causa de seu comportamento irritante. Mas, por que você se permite reagir emocionalmente à esse comportamento e ser sugado pela negatividade? Tente vencer essas pessoas em seu próprio jogo: distancie-se emocionalmente e interaja com eles como se fossem seu projeto de ciência.

Esteja consciente de suas emoções

Manter uma distância emocional requer consciência. Às vezes você vai encontrar-se em situações em que você precisa parar para escolher o melhor caminho a seguir. Quando você encontra-se com um colega de trabalho que está envolvida no pensamento descarrilhante, às vezes é melhor apenas sorrir e acenar. Se você vai ter que endireitá-lo, é melhor dar-se algum tempo para planejar a melhor maneira de fazer isso.

Não deixe ninguém limite sua felicidade

Quando o sentimento de prazer e satisfação são derivadas das opiniões de outras pessoas, você não é mais o dono da sua própria felicidade. Embora seja impossível desligar suas reações ao que os outros pensam de você, não é preciso se comparar aos outros. Dessa forma, não importa o que as pessoas estão pensando ou fazendo, sua auto-estima vem de dentro.

Não foque nos problemas, apenas nas soluções

Onde você foca sua atenção determina seu estado emocional. Quando se fixa sobre os problemas que você está enfrentando, você cria e prolonga as emoções negativas e estresse. Quando você se concentra em ações para melhorar a si mesmo e suas circunstâncias, você cria um senso de eficácia pessoal que produz emoções positivas e reduz o estresse.

Não esqueça

Pessoas emocionalmente inteligentes são rápidas em perdoar, mas não significa que elas esquecem das coisas. Perdoar exige que você se liberte do que aconteceu para seguir em frente, mas não quer dizer que dará ao malfeitor outra chance. Os bem sucedidos não estão dispostos a esbarrar desnecessariamente nos erros dos outros, por isso são sempre acertivos em se proteger de danos futuros.

Ignore os pensamentos negativos

Não há nada errado em sentir-se mal sobre alguém o trata, mas não deixe que seus pensamentos intensifiquem a negatividade, em vez de lhe ajudar a superá-la. A negatividade é algo real e envia você a um espiral descendente de emoções que é difícil de sair. Evite pensamentos nevativos a todo custo.

Limite a ingestão de cafeína

A cafeína provoca a liberação de adrenalista, fonte da resposta “lute ou fuja”, um mecanismo de sobrevivência que o obriga a enfrentar ou fugir das ameaças. Isso é ótimo quando você está sendo perseguido por um urso, mas não quando é surpreendido no corredor por um colega de trabalho com raiva.

Durma mais

O sono é importante para melhorar sua inteligência emocional e gerenciar seus níveis de estresse. Quando você dorme, seu cérebro literalmente recarrega, embaralhando as memórias do dia, armazenando ou descartando-as, para que você acorde alerta e lúcido. A privação do sono aumenta os níveis do hormônio do estresse por conta própria, mesmo sem um gatilho para o estresse estando presente.

Use o seu sistema de suporte

É tentador, mas totalmente ineficaz, tentar enfrentar tudo sozinho. Para lidar com pessoas tóxicas, você precisa reconhecer os pontos fracos na sua abordagem a eles. Isto significa pedir ao seu sistema de apoio para ter uma perspectiva sobre uma pessoa difícil. Algo tão simples como explicar a situação pode levar a essa nova perspectiva. Na maioria das vezes, outras pessoas podem ver uma solução que você não pode, porque elas não estão tão emocionalmente envolvido na situação.

Juntando tudo

Antes de começar a fazer este sistema funcionar de forma brilhante, você vai ter que passar algumas provas. Na maioria das vezes, você vai encontrar-se testado por interações delicadas com problemas de pessoas. A implementação destas técnicas vai treinar o seu cérebro para lidar com o estresse de forma mais eficaz e diminuir a probabilidade de efeitos nocivos.

Fonte: Administradores

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s