Mundo pós-pandemia: como receber seus colaboradores na empresa

pexels-photo-4145190.jpeg

Foto por Julia M Cameron em Pexels.com

O trabalho remoto veio para ficar? Esse questionamento é feito pelo estudo “MIT Technology Review – Work Anywhere”, produzido pela TEC. De acordo com os dados, apenas 10% dos entrevistados não querem mais voltar para o escritório no mundo pós-pandemia, enquanto 93,5% querem.

Diante dessa perspectiva, a pergunta é clara: Como dar boas-vindas aos profissionais que trabalharam tanto tempo a distância? Por que se importar com isso? Quais são os efeitos positivos de uma boa recepção? Descubra as respostas nos próximos tópicos!

GIF Sertec_JackelyneB_300x300Trabalho presencial em um mundo pós-pandemia requer comunicação

Detalhando um pouco mais a pesquisa apresentada na introdução, encontramos uma informação curiosa. Nesse “estica e puxa” entre os profissionais que anseiam e os que “torcem o nariz” para o trabalho remoto, há um ponto em comum: 100% dos entrevistados acreditam que o modelo híbrido será a regra no pós-pandemia.

Sendo assim, de uma forma ou de outra, as organizações precisarão se preparar para a retomada do trabalho presencial. Pensando nessa época, as empresas podem elaborar estratégias que tenham um efeito positivo nos colaboradores, gerando assim, uma “boa primeira impressão”.

A chave para o sucesso nesse projeto é a comunicação. Quando os gestores são transparentes e compartilham com antecedência informações sobre como será o retorno, as equipes absorvem melhor as mudanças que virão.

Por exemplo, as empresas já podem começar a dar alguns detalhes sobre como serão os horários de trabalho, as medidas de higiene, possíveis revezamentos entre os times e políticas de bem-estar e convivência. Mas para oferecer essas informações, a organização precisa realizar com antecedência um projeto de retorno.

E se os líderes não souberem quais regras definir? De novo, o segredo está na comunicação. Nesse caso, é importante fazer pesquisas com os colaboradores. Por meio de um questionário online, os profissionais podem ser indagados sobre suas dúvidas, preocupações e receios em relação ao retorno do trabalho presencial.

Parte da pesquisa pode ser direcionada para a coleta de sugestões, desejos, ideias e expectativas dos funcionários. Dessa forma, os gestores irão conseguir criar um ambiente interno alinhado com as necessidades dos times – gerando assim um sentimento de engajamento e pertencimento.

Vale lembrar, que esse senso de pertencimento ficou meio desgastado com o distanciamento social das equipes. Porém, com essa escuta ativa feita por meio das pesquisas, a “chama” desse sentimento será aos poucos reacendida.

Dicas de como receber os colaboradores

Imagine que está prestes a receber em casa uma pessoa querida que não vê há muito tempo. Como ficaria? O que faria para deixá-la feliz? Sem dúvidas, você pensaria em cada detalhe para que esse momento seja tão especial quanto o aguardado reencontro.

Algo similar acontecerá nas empresas no mundo pós-pandemia. Os gestores serão os recepcionistas, a casa será o escritório físico e os colaboradores serão os amigos “que não se veem há muito tempo”. Esse momento tem que ser especial, concorda? Para ajudar nesse objetivo, listamos, várias práticas eficientes.

kaballah mask

Decore a empresa

Decorar a empresa é um sinal de carinho e aquecerá o coração dos colaboradores. Não são necessários itens caros e luxuosos. Na verdade, simples balões, penduricalhos festivos e cartazes com frases motivacionais e de boas-vindas, deixarão os funcionários muito felizes nesse momento de retorno.

Ofereça um kit de boas-vindas

Para impressionar ainda mais os colaboradores, a companhia pode oferecer alguns mimos, como um kit de boas-vindas. O que colocar dentro? Talvez um cartão, itens de proteção, como álcool em gel e máscaras, uma mensagem do CEO e etc. O ideal é personalizar o kit. Por exemplo, incluir um chocolate para quem é amante do doce.

Realize uma reunião com comunicados importantes

Seguindo as regras dos órgãos oficiais da saúde, o CEO pode realizar uma reunião com os colaboradores. Esse evento será breve e descontraído. O objetivo é acolher os profissionais, diminuir as ansiedades e passar algumas informações sobre como serão os procedimentos na empresa.

labortime

Reforce informações fundamentais em um mundo pós-pandemia

Em especial as informações relacionadas à higiene, saúde e medidas de proteção ao Covid-19 – como uso de máscaras, álcool em gel, entre outras – devem ser reforçadas. É interessante expor essas informações em murais, notas exibidas na TV corporativa, boletins diários enviados por e-mail e etc.

Faça dinâmicas de grupo e integração de equipes

As dinâmicas em grupo serão ferramentas valiosas para a integração das equipes. Afinal, os meses passados no isolamento podem ter um efeito negativo na sociabilidade dos profissionais. Essas dinâmicas devem incluir atividades que estimulem o espírito colaborativo e a confiança no outro ao executar projetos.

Crie campanhas motivacionais

Outra maneira de receber bem e fazer os colaboradores se sentirem “em casa” é por meio das campanhas motivacionais. Nelas, a empresa destaca a cultura organizacional e o valor de cada profissional no sucesso da empresa. Vale também incluir entrevistas de profissionais contando sobre desafios e superações que enfrentam na fase pós-pandemia.

Se possível ofereça horários e modelos flexíveis

A pesquisa “Covid-19: retorno aos escritórios – resiliência e retomada”, feita pela KPMG, apontou que 16,20% das empresas pretendem retornar com 100% dos profissionais no escritório físico. As outras que participaram do estudo revelaram uma atitude mais flexível.

total-grupo-gif-180x180Sim, a flexibilidade é uma forte tendência nas organizações no mundo pós-pandemia. Quando a empresa permite que os colaboradores escolham os horários e o formato que desejam trabalhar, o retorno às atividades serão bem mais suaves.

Aposte na automação de processos

Algo que não mudará no mundo pós-pandemia é a influência da transformação digital. Sendo assim, as empresas devem implantar ferramentas virtuais para automatizar e facilitar o trabalho dos colaboradores. Desse modo, o time terá mais tempo para se dedicar a projetos estratégicos e inovadores.

Como será o amanhã? A resposta está nas mãos de cada empresa. Como vimos, no mundo pós-pandemia, muitos profissionais retornarão para o escritório físico das organizações. O modo como serão recepcionados marcará um novo capítulo na história do negócio ou apenas uma reprodução dos capítulos anteriores.

Fonte: Convenia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s