Razões para contratar um “pulador de empregos”

job jumperMudar de emprego com frequência virou algo tão comum da geração Y, que essas pessoas ganharam até um nome. O termo em inglês “job jumpers” foi criado para identificar o que em português seriam os “puladores de emprego”.

Infelizmente, um conceito antiquado acredita que esses candidatos são desleais, egoístas ou impacientes. Mas, atualmente um recrutador que rejeita um “job jumper” pode estar perdendo uma ótima oportunidade de contratar um talento. Vamos às razões pelas quais você não deveria descartar esses candidatos:

1. “Job Jumpers” tem uma alta performance

O mero fato de um “job jumper” pular de empregos com frequência pode-se assumir que ele tem uma boa performance. Essas pessoas são ambiciosas, têm iniciativa e sempre estão em busca de uma oportunidade melhor. Antes de julgar o candidato, procure avaliar quais foram os motivos pelos quais ele mudou tantas vezes de emprego. Se a resposta for: 1) Uma significante oportunidade de promoção; ou: 2) Mudou para uma empresa de maior prestigio. Ao invés de vê-lo como alguém impaciente, você pode pensar que ele é uma pessoa valorizada, já que diversos recrutadores quiseram contratá-lo.

2. Traz consigo melhores práticas e conhecimento dos competidores

Os “job jumpers” levam para as empresas uma grande carga de conhecimento acumulado. Junto com esse candidato o empregador também está levando: contatos, experiência, conhecimento em novas ferramentas e informações de benchmark. Ainda mais se o “job jumper” migrar de uma empresa da mesma área de atuação. Você conseguirá adquirir informações que são difíceis até para os seus funcionários mais experientes.

3. “Job Jumpers” adaptam-se mais facilmente

Se você contratou um “job jumper” que era um talento em outra empresa, pode ter certeza que muito do sucesso vem da facilidade de se comunicar e construir uma rede de relacionamento rápido. Eles são versáteis e têm uma curva de aprendizado mais rápida.

4. Você prefere ter um funcionário com baixo desempenho por dez anos ou um ótimo funcionário por dois?

Contratar um funcionário prestativo e que agregue valor a empresa por 24 meses é uma ótima oportunidade de fazer com que seus outros funcionários aprendam com ele. “Job jumpers” ficam em média dois a três anos nas empresas, mas o rápido ganho em curto prazo que você tem com esse funcionário é compensatório.

5. Se você quer uma geração de sucesso, terá que contratar um “job jumper”

Hoje em dia, é mais fácil encontrar um “job jumper” do que uma pessoa que ficou muitos anos no mesmo emprego. Então, se você está evitando um “job jumper” por conta da lealdade deles com a empresa, você pode se desapontar ao saber que a sociedade não cria mais funcionários leais.

Em algumas empresas americanas, os “job jumpers” são muito bem-vistos, já que esses indivíduos tiveram oportunidade de aprender e vivenciar em diversos ambientes. Esse acúmulo de experiência traz uma visão macro do ambiente corporativo e ainda um jeito diferente na tomada de decisões. Infelizmente, muitos profissionais de RH ainda resistem na contratação desses candidatos.

Mas, a maior lição que podemos tirar é que em breve muitos dos profissionais do mercado já serão “job jumpers”. A menos que as empresas comecem a pensar em um plano de retenção com boas ofertas dentro da própria empresa. Enquanto isso não é possível, a dica é tirar o máximo proveito do “job jumper” durante o tempo que ele fizer parte do seu quadro de colaboradores.

 

Por Marina Soubhia para o RH.com.br

Anúncios

2 pensamentos sobre “Razões para contratar um “pulador de empregos”

  1. Matéria bem formulada e bem redigida. Sou de geração anterior à Y e desde o final da década de 1970 sou um incompreendido “job jumper”. Hoje aos 61 anos ainda sou tratado de forma discriminatória por profissionais pertencentes à gerações anteriores a Y, uma vez que ao avaliarem meu CV observam meu perfil “job jumper”. Apenas os mais jovens admiram minha ousadia atemporal pois entendem que minha felicidade, pessoal e profissional, esta alicerçada na vasta experiencia que adquiri nos meus diversos “jumpers”.
    Seguirei assim até o fim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s