Por que as empresas erram na hora de avaliar os funcionários

Por conta das más avaliações as empresas perdem seus talentos

Todos os meses, praticamente metade das empresas do país avaliam seus funcionários. Mas a maneira como essas avaliações são feitas preocupa: 80% das companhias instaladas no país ainda utilizam métodos informais para avaliar pessoas, desenvolver líderes, reter talentos e planejar sucessão de cargos estratégicos. Isso quer dizer que a meritocracia, na prática, não tenha saído da teoria em algumas delas.

“E isso pode trazer um risco e tanto para as companhias”, defende Roberto Cunha, diretor executivo da Page Assessment. De acordo com Cunha, sem uma avaliação bem feita fica impossível qualquer empresa gerenciar corretamente seu capital intelectual. Além do que, a companhia fica mais suscetível a cometer erros na gestão de pessoas, seja com a perda de talentos ou com a promoção de pessoas menos capacitadas para cargos estratégicos.

Em outras palavras, criar um método de avaliação baseado em metas claras e diretrizes faz com que um bom funcionário seja reconhecido, mesmo que seu chefe direto não goste dele, nem seja seu amigo.

Em outras palavras, criar um método de avaliação baseado em metas claras e diretrizes faz com que um bom funcionário seja reconhecido, mesmo que seu chefe direto não goste dele, nem seja seu amigo.

As empresas não avaliam direito porque…

  • Não há histórico dos motivos que levaram funcionários a saírem da empresa
  • Falta inovação nas práticas de Recursos Humanos
  • Investimentos são baixos para a área de gestão de pessoas
  • resultados das ferramentas de avaliação não são analisados

Com a avaliação elas teriam…

  • Mais assertividade nos processos seletivos
  • Eficiência para definir como atrair, reter e treinar
  • Priorização de ações que tragam resultados de curto prazo
  • Dados precisos sobre a equipe para decisões em caso de expansão
  • Meritocracia, além de pessoas mais capacitadas.

fonte: Exame

Realmente não é o que vemos por aí, pessoas despreparadas para realizar avaliações, rancores pessoais, atenção a erros primários e falta de assertividade têm dominado o cenário das avaliações nas empresas brasileiras.

Cabe ao RH a tarefa de orientar e nortear as técnicas de avaliação e é claro as empresas precisam estar maduras e abertas a esse processo, pois ele pode incomodar até mesmo altas gerências e direção.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s