Indicadores estratégicos de RH: descubra quais são as últimas tendências

pexels-photo-669610.jpeg

Foto por Lukas em Pexels.com

Há algum tempo o RH tem sido fortemente impactado pelas mudanças constantes no comportamento das pessoas e do mercado, seja nos indicadores estratégicos de RH quanto no próprio papel da gestão de pessoas.

Esse cenário fez com que atualmente o RH passasse a ser muito mais estratégico para o negócio, o que evidencia a mudança de visão sobre a área.

Hoje são necessárias novas habilidades, planejamento e conhecimentos sobre essas transformações, que não estão perto de acabarem. Pelo contrário, o futuro com toda certeza reserva novas mudanças que farão com que o setor seja repensado mais algumas vezes.

GIF Sertec_JackelyneB_300x300Mudanças no RH dentro das empresas

Diante desses aspectos que envolvem as transformações do RH, uma pesquisa importante da Gartner levantou nove tendências que merecem atenção.

Trazendo o olhar sobre a pandemia do coronavírus, a pesquisa aponta que o RH esteve na vanguarda das iniciativas em relação às inúmeras transformações.

Essas mudanças não só impactaram internamente às organizações, mas também externamente, evidenciando questões como o bem-estar dos colaboradores e novos modelos de trabalho.

4 Principais indicadores para um RH estratégico

Em relação a esse cenário, portanto, os principais indicadores estratégicos de RH devem considerar os seguintes aspectos:

Clima Organizacional

O primeiro dos indicadores estratégicos de RH é medir o clima organizacional, já que este impacta diretamente no trabalho dos colaboradores.

A gestão, portanto, deve observar e promover ações que envolvam não apenas os aspectos físicos, mas também psicológicos e mentais das equipes.

Para isso, é preciso verificar como está o relacionamento entre os colaboradores ou se o desempenho deles está abaixo do esperado.

Além disso, é necessário avaliar o comprometimento, interesse e os níveis de estresse e tensão que estão submetidos.

Diante do teletrabalho, por exemplo, este é um grande desafio, principalmente com a mudança nas interações, uma vez que os colaboradores passaram a ter menos contato presencial. Com isso, ações que promovam a fluidez e clareza das informações, soluções rápidas de conflitos e estabilidade emocional são ótimas aliadas.

Produtividade

Em consequência de um bom clima organizacional, os indicadores estratégicos de RH devem considerar também os aspectos que envolvem a produtividade.

Por isso, é necessário promover a satisfação dos colaboradores, sendo um dos indicadores mais utilizados o E-NPS (Employer Net Promoter Score).

Ele é utilizado para medir a satisfação dos clientes externos, mas pode ser aplicado aos colaboradores internos por meio do seguinte questionário anônimo:

  • De 0 a 10, o quanto indicaria nossa empresa como um bom lugar para trabalhar?
  • De 0 a 10, o quanto indicaria seu superior imediato como um bom líder?

Para entender os resultados, você deve considerar que:

  • Respostas entre 0 e 6 representam insatisfação;
  • Já as respostas entre 7 e 8, representam a neutralidade;
  • Por fim, entre 9 e 10 estão os funcionários satisfeitos e fidelizados.

Com isso, para identificar o percentual total de E-NPS, utilize a seguinte fórmula:

E-NPS = % de funcionários promotores – % de funcionários detratores

labortime

Turnover

Este é um dos indicadores estratégicos de RH relacionado ao volume de admissões e desligamentos de uma empresa. Ou seja, a rotatividade, representada pela mudança no quadro de funcionários em um período de tempo, tanto de quem entra ou quem sai.

Para calcular o turnover da sua empresa, considere a seguinte fórmula mais comum:

[(número de admissões + número de desligamentos)/2] / número total de funcionários

Você pode se basear em diversos aspectos, como desligamentos voluntários ou não, medir a eficácia do RH e dos gestores e inúmeras outras finalidades.

total-grupo-gif-180x180

ROI

Por fim, o último dos indicadores estratégicos de RH que destacamos é o Retorno Sobre o Investimento (ROI).

Para o cálculo, considere a seguinte fórmula:

ROI = (retorno obtido – investimento feito) / investimento feito

Com isso, você pode identificar o retorno obtido por meio do investimento realizado no RH, além de identificar quais investimentos estão sendo realmente eficazes.

 

Fonte: Convenia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s